terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Mimo, muito mimo...

Estas últimas semanas foram de reencontro. De abraços. Muitos. De conversas. Muitas. De mimos.
Tantos!

Nos útimos meses vivemos a 500km de distância uns dos outros. Falamos diariamente através de um ecrã. Sentimos todos os dias a falta do toque, de um abraço quente, de um afago. Sonhamos todos os dias com o reencontro, com o abraço que daríamos. Vivemos com as lágrimas a querer sair a toda a hora.

Vivemos à distância.

Nunca fomos tão infelizes.

Ainda cheguei a pensar que fosse mimalhice nossa. Que toda a gente consegue estar separada e continuar a viver. Nós nunca fomos felizes durante os 4 meses. Não vivemos, apenas sobrevivemos com a ideia fixa do dia em que estaríamos juntos.

Passados 4 meses, não podemos dizer que não tentamos. Não podemos dizer que não houve um esforço de parte a parte, mas para nós a família deve estar junta. Sempre. 


 E depois de tentarmos e de insistirmos, desistimos de tentar e concluimos que queriamos muito estar juntos e viver em contacto. De pele com pele. E hoje não podia estar mais feliz com a decisão com que tomamos.

Antes o desemprego do que o desapego dos que mais gostamos. 

E depois de 4 meses com insónias, a minha bailarina voltou a ter o sono calmo e relaxado de outrora! Voltou a ter apetite e é agora uma menina mais segura de si. Embora ainda lhe note algumas inseguranças, tenho a certeza que logo passará.

Sei que foi ela que sentiu mais na pele a mudança e é também por ela que sei que tomamos a decisão correta.



4 comentários:

Gorduchita disse...

Penso que foi uma boa decisão! Há coisas muito mais importantes que dinheiro!

Jo disse...

Fizeram bem! :) Acho que teria a mesma sensação...

Carla Sousa disse...

Ai, Sarinha...

Fiquei com lágrimas nos olhos ao ler as tuas palavras e ao tentar colocar-me na tua/vossa posição. Não conseguiria também. Não sei mesmo se aguentaria 4 meses! Para mim família é toque, cheiro, calor, gestos, olhares que falam e amor sem filtro.

Tomaram a melhor decisão. Vais ver que o universo vai tratar de remediar o resto! Tudo se irá compor.

Beijinhos e um abraço apertado! <3

Borboletas disse...

Boa-tarde realmente afastarmo-nos daqueles que amamos por situação da vida é ficarmos incompletas .... E como li naquele post se estamos no caminho errado temos que voltar atrás compreendo bem a teu sentir ... Mas agora toca aproveitar e retribuindo e recebendo o abraço que todos precisamos ! Um beijinho e agora tudo se irá resolvendo.

Vê também...

Related Posts with Thumbnails