terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Em contagem decrescente

Este é sem dúvida o encanto de se estar longe de casa
e dos nossos amigos
e da família 
e da nossa terra natal 
e das nossa casa 
e das nossas coisas...

Adoro a expectativa de regressar, o esperar ansiosamente que chegue à meia-noite para oficializar menos um dia do calendário, o friozinho na barriga só de pensar que em breve estaremos junto de tudo o que mais prezamos na vida!

[ Não quero com isto dizer que estou mal cá, aliás estou sempre a murmurar o quanto gosto de cá estar e da falta que me vão fazer estes dias tranquilos e esta paz proveniente deste estilo de vida que por cá temos...].

Mas..., mas é quase Natal e eu não fiz ainda a árvore, nem o presépio, nem qualquer tipo de decoração, não embrulhei nenhum presente, nem pintei nenhuma estrela com a bailarina. E estou cheia de vontade de entrar em modo N-A-T-A-L!!! :D


Nunca pensei vir a gostar do leva e trás de malas e tralha de casa para casa, mas é estranhamente satisfatório este rodopio!

O pior?! O pior é que mal chegamos a casa, começa a contagem descrescente para o regresso. Pois, é mesmo assim que acontece... 

Agora resta-me apenas uma semaninha de trabalho até estarmos de regresso à casa-melhor (como diz a pequena), porque esta é apenas a casa-nova!

Sem comentários:

Vê também...

Related Posts with Thumbnails